sábado, 14 de janeiro de 2012

12 semanas para mudar uma vida

Querido diário,

Fiquei esses dias sem aparecer por aqui por pura falta de tempo!! I´m back!
Choveu tanto aqui em Rio Preto. O tempo mudou totalmente, até a alguns dias estava um sol maravilhoso! Agora está tudo nublado, com ventos e chuvas constantes.
Eu não gosto desse tempo, prefiro muuuuuito mais o calor!!! Mas fazer o quê né?!

Bom, mas o post é na verdade sobre o livro do Augusto Cury "12 semanas para mudar uma vida". Não sou muito fã de livros de auto-ajuda, até então só tinha lido "O Segredo", mas gostei muito da proposta deste e indico a todos.



A primeira pergunta que veio na minha mente foi: "mas será possível mudar uma vida em 12 semanas?". Logicamente, você não vai mudar 100% de uma hora para a outra!!!
A resposta vem aos poucos, assim que você inicia a PAIQ (Programa da Academia de Inteligência de Qualidade de Vida) descrito no livro.
O PAIQ é um programa educacional, filosófico e psicológico que vai ajudar a compreender o funcionamento da mente humana e, visa desenvolver a inteligência, enriquecer a emoção e promover a saúde psíquica

Achei interessante que ele utiliza Jesus, como modelo  de Mestre da Qualidade de Vida.
No livro, Jesus é analisado como um homem que viveu num ambiente hostil, mas não tornou-se uma pessoa deprimida e ansiosa, manteve sua saúde intelectual, emocional e social no ápice.
 
     Dez princípios do PAIQ
 
  • Cada ser humano é uma jóia única no palco da existência, uma obra-prima do autor da vida.
  • Ninguém pode decidir mudar a sua história, só você mesmo.
  • Uma pessoa saudável, forma pessoas saudáveis. Um líder forma outros líderes.
  • A solidariedade e a tolerância são os fundamentos das relações sociais.
  • O amor é o fundamento da vida: quem ama nunca envelhece no território da emoção.
  • As perdas e os sofrimentos são oportunidades para nos construir e não nos destruir.
  • Os fortes compreendem, os frágeis condenam. Os fortes reconhecem suas falhas, os frágeis escondem-nas.
  • Saber ouvir é tão ou mais importante que saber falar.
  • Quando discriminamos alguém, nós o diminuímos.
  • Quanto pior a qualidade da educação mais importante será o papel da psiquiatria. A educação é o alicerce da qualidade de vida. 
Esses são os princípios do programa que é dividido em 12 semanas, tendo cada semana seu devido capítulo. Aí vai o resumo do 1º capítulo:

Capítulo 1- "Ser autor da sua história: o resgate da liderança do eu." 

 Ser autor da sua história é ser:
  1. Capaz de reconhecer a grandeza da vida e da história fascinante que cada ser humano possui escrita em sua memória.
  2. Capaz de construir e seguir metas claras. Não ter uma vida sem direção.
  3. Capaz de fazer escolhas para atingir suas metas. Ter consciência de que toda escolha implica perdas e não apenas ganhos.
  4. Capaz de tomar decisões e corrigir rotas sociais, profissionais e afetivas.
  5. Capaz de reconheçer seus limites, falhas, atitudes incoerentes. Reconhecer suas doenças psíquicas. Ter consciência de que o pior doente é aquele que nega a sua doença.
  6. Capaz de não desistir da vida, mesmo diante de perdas, dificuldades e decepções. Acreditar sempre na vida.
  7. Capaz de ser transparente. Não se esconder atrás do sorriso maquiado, posição social, conta bancária.
  8. Capaz de ter domínio próprio. Não ser controlado pelo ambiente, circunstâncias e conflitos internos.
  9. Capaz de liderar a si mesmo, antes de liderar o mundo de fora.
  10. Capaz de treinar sua inteligência para viver todas as leis da qualidade de vida deste programa. Quem vive essas leis conquista todas as demais características.    

Caso alguém tenha interesse, toda semana irei colocar o resumo de cada capítulo do livro no lik "12 semanas".

Espero que gostem, beijos.
 

Nenhum comentário: